Núcleo de Acessibilidade e Apoio Psicopedagógico (NAAP) realiza circuito de palestras e minicursos Setembro Azul

Notícias

Núcleo de Acessibilidade e Apoio Psicopedagógico (NAAP) realiza circuito de palestras e minicursos Setembro Azul

quinta, 20 de setembro de 2018 | Categoria: Geral

Semana passada aconteceu no IMEPAC Araguari um circuito de palestras sobre o Setembro Azul, em comemoração ao Dia Internacional da Língua de Sinais, dia 30, ao Dia Nacional dos Surdos, dia 26 e ao Dia Internacional do Surdo e do Tradutor/Intérprete de Língua de Sinais. O evento “2º Setembro Azul IMEPAC: Perspectivas da Surdez” aconteceu na sexta-feira (14) e no sábado (15) de setembro.

            Quem abriu o circuito de palestras e minicursos na sexta-feira foi o Prof. Falk Soares Ramos Moreira, Mestre em Educação e especialista em docência no Ensino Superior. Atualmente, ele é professor no Instituto Federal de Brasília e doutorando em Linguística. A segunda palestra do dia foi com a Mestre em Linguística, Especialista em Educação Especial e Atendimento Educacional Especializado, Letícia Sousa Leite.

            No sábado foram ministrados quatro minicursos pela manhã e quatro palestras no período da tarde. Os minicursos tiveram os temas:

- Parâmetros da Libras, com Marcos Vinícius Guimarães Ferreira, instrutor de Libras e discente do curso de Pedagogia;

- Classificador da Libras, com Priscila Silva, instrutora de Libras da Prefeitura Municipal de Uberlândia;

- Material Adaptado para o Aluno Surdo, com Cristiano Ribeiro, docente da UFU, pólo Ituiutaba;

- Leitura Visual na Promoção da Cultura e Identidade Surda, com Letícia Sousa e Raquel Bernardes, intérpretes da UFU.

            A primeira palestra da tarde foi ministrada pelo Prof. Paulo Ricardo Vilaça Batista, ele é surdo e formado Engenheiro Civil e professor de Libras e de matemática do Centro de Captação de Profissionais da Educação e de Atendimento, que falou sobre o “Ensino da Matemática para Surdos: caminhos para a inclusão”.

            Em seguida, a Profª. Ms. Mara Rúbia Pinto de Almeida, graduada em Educação Física (ESEFFEGO) e Pedagogia (Uniube), mestre em História e especialista em Gênero e Diversidade na Escola pela UFG, falou sobre “Libras e Saúde: Acessibilidade no atendimento ao paciente surdo e/ou seus familiares”.

            Michele de Oliveira Machado, Especializada em Libras - Ead - Faculdade Eficaz, Graduada em pedagogia com ênfase necessidades educacionais especiais - PUC-BH, Licenciatura Plena em Libras - Letras/Libras – UFSC, falou sobre os desafios na alfabetização das crianças surdas, a partir da sua própria experiência, pois é surda, e agora como profissional da área, na palestra: A Inclusão de Alunos Surdos na Escola Comum e sua Alfabetização

            A palestra de encerramento do evento tem como tema “A Inclusão dos Surdos em Espaços não Formais”, ministrada por Ariany Palhares de Oliveira Borges Vicente, Mestre em Educação pela UFTM, Educação Especial com ênfase em Deficiência Auditiva, UNIRIO, Língua Brasileira de Sinais, LIBRAS, pela FIJ, e Docência, Tradução e Interpretação de LIBRAS pela UNÍNTESE. Ariany também é graduada em Letras, e Ciências Biológicas pela Universidade Metropolitana de Santos e Pedagogia pela IMEPAC.

            O evento foi promovido pelo Núcleo de Acessibilidade e Apoio Psicopedagógico coordenado pelo Psicólogo Educacional Juliano Marque e pela Comissão Organizador formada por alunos do curso de Pedagogia.